Preloader

Escandinávia e Brasil

Cera de carnaúba brasileira vira impermeabilizante na Finlândia

quinta-feira, 10 de outubro de 2019
Cera de carnaúba brasileira vira impermeabilizante na Finlândia

Pesquisadores finlandeses desenvolveram um novo impermeabilizante que tem como base uma matéria-prima natural tipicamente brasileira: a cera de carnaúba. Os resultados da iniciativa da equipe, que trabalha na Universidade de Aalto, foram publicados pelo site Science Daily.

O revestimento impermeabilizante foi feito com partículas da cera extraída das folhas da palmeira Copernicia prunifera, nativa do Brasil e encontrada principalmente nos estados do Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte. Segundo o time de cientistas, o material não afeta a respirabilidade e a sensação natural do tecido. Ele também tem a vantagem de ser uma alternativa aos impermeabilizantes comuns, que utilizam produtos tóxicos em sua composição.

LEIA TAMBÉM:
Finlandeses criam bioplástico a partir de teias de aranha
Impermeável e sem cheiro: surge na Finlândia o primeiro tênis feito de grãos de café
Cientistas suecos criam madeira transparente que pode substituir o vidro
Como a Finlândia fabrica roupa com madeira usada

A invenção dos finlandeses serve tanto para têxteis quanto para outros materiais à base de celulose. “Nós testamos o revestimento em diferentes materiais têxteis: viscose, tencel, algodão, cânhamo e malhas de algodão. Descobrimos que a rugosidade da superfície dos tecidos afeta sua capacidade de repelir a água; quanto mais áspera a superfície, melhor", disse Nina Forsman, líder do time de cientistas. "Isso ocorre porque, na superfície rugosa, as gotas de água entram em contato com a superfície têxtil em uma área menor.”

O revestimento de cera pode ser aplicado ao tecido por meio de mergulho, pulverização ou escovação das peças com o material. Os pesquisadores testaram os três métodos e detectaram que mergulhar em solução é o mais adequado para peças de roupa menores, enquanto pulverizar ou escovar é melhor para as maiores.

Na produção em escala industrial, o tratamento da cera pode integrar a etapa de acabamento têxtil; os finlandeses observaram ainda que, nessa mesma fase, pode ser aplicada a pigmentação da cor da cera, o que torna possível tingir e impermeabilizar o tecido ao mesmo tempo.

O inconveniente é que o impermeabilizante de cera de carnaúba não é resistente à lavagem com detergente. Assim, explica Nina Forsman, o produto é mais adequado para roupas lavadas com menos frequência, como jaquetas. A pesquisadora sugere ainda que o consumidor também poderia aplicar o revestimento no tecido após cada lavagem.