Preloader

Inovação

Noruega inaugura a maior ponte já construída no Círculo Polar Ártico

Noruega inaugura a maior ponte já construída no Círculo Polar Ártico

A Noruega acaba de abrir ao tráfego a segunda maior ponte do país - e a mais extensa construída até hoje dentro do Círculo Polar Ártico. A inauguração oficial ocorreu com uma cerimônia realizada no último domingo (9/12), da qual participaram noruegueses e operários chineses que trabalharam nas obras.

A Hålogaland, como a ponte foi batizada, tem 1.533 metros de comprimento total e um vão livre de 1.145 metros. Localizada perto da cidade portuária de Narvik, no norte da Noruega, ela é também a maior ponte suspensa dentro do Círculo Ártico.

 

 

Essa não foi uma obra qualquer. Engenheiros, arquitetos e técnicos envolvidos com o projeto tiveram que enfrentar quatro grandes desafios para garantir a segurança dos usuários e a durabilidade da obra - o canal Discovery chegou a produzir um documentário sobre a construção. O primeiro desafio, claro, foi a extensão da ponte, que passa por cima de um trecho do fiorde Rombaken, com 300 metros de profundidade. O segundo foi a altíssima velocidade do vento - a ponte está 220 quilômetros dentro do Círculo Polar Ártico, local em que o vento chega a atingir 130 quilômetros por hora.

O terceiro desafio foi a amplitude térmica - a diferença entre as temperaturas mínima e máxima no local chega a 40 graus Celsius. Essa oscilação causa expansão térmica nos períodos de calor e contração no frio, o que pode causar rachaduras no concreto e, nos piores cenários, o colapso do piso da ponte. E, por fim, os técnicos tiveram que encarar um cronograma de construção bastante apertado, de apenas cinco anos e dez meses. O tempo já seria curto em condições normais, mas o aperto se acentuou porque, devido às condições meteorológicas extremas no Círculo Ártico, só era possível tocar a obra em seis dos 12 meses de cada ano. 

A construtora chinesa Sichuan Road and Bridge Group (SRBG) foi a responsável pela estrutur de aço e pela montagem da ponte, que criou um atalho de 17 quilômetros na rodovia europeia E6. Essa é a principal estrada que atravessa a Noruega de norte a sul e também a costa oeste da Suécia.

A primeira-ministra da Noruega, Erna Solberg, e o embaixador da China no país escandinavo, Wang Min, também enfrentaram o frio para comparecer à inauguração. Muita gente que participou da cerimônia se aqueceu em fogueiras acesas na cabeceira da ponte.