Preloader

Meio Ambiente e Sustentabilidade

Sob onda de calor, Escandinávia registra suas maiores temperaturas em décadas

segunda-feira, 29 de julho de 2019
Sob onda de calor, Escandinávia registra suas maiores temperaturas em décadas

Nos últimos dias, uma onda de forte calor atingiu a Escandinávia, que, em alguns casos, registrou suas temperaturas mais elevadas em mais de sete décadas. O calor fora do comum fez as autoridades lançarem alertas na Suécia, Noruega e Finlândia. Os cientistas dizem que os aumentos anormais de temperatura são um novo sinal dos efeitos do aquecimento global na região.

LEIA TAMBÉM:
População do urso pardo, animal-símbolo da Finlândia, cai após crescer por seis anos
Lahti, na Finlândia, é eleita a Capital Verde da Europa para 2021
Na Suécia, a "vergonha de voar" já afeta a indústria da aviação

Segundo o Instituto Meteorológico Norueguês, 20 localidades no sul do país experimentaram "noites tropicais", com as temperaturas permanecendo acima de 20ºC durante a noite. Em Laksfors, os termômetros marcaram 35,6ºC no último sábado. Caso os dados sejam confirmados, a temperatura iguala o recorde histórico registrado no país. A maior temperatura de que se tem notícia na Noruega foi registrada em 1970, em Nesbyen.

A Suécia experimentou algumas de suas temperaturas mais elevadas em décadas. Na cidade de Markusvinsa, no norte do país, elas chegaram a 34,8ºC, quebrando um recorde de 1945. Na Finlândia, por sua vez, a polícia chegou a alertar os motoristas para redobrarem a atenção com os alces e renas, que, sedentos, têm cruzado as estradas em busca de água no litoral para beber e se refrescar.

Com a onda de calor se deslocando para o norte da Europa, os climatologistas alertam para a potencial aceleração do degelo na Groenlândia, que abriga a segunda maior camada de gelo do mundo, um fenômeno que contribui para a elevação global do nível do mar. Os cientistas estimam que, se toda a camada de gelo derreter, o nível do mar poderá subir cerca de 6 metros, afetando muitos habitantes do litoral em todo o mundo, incluindo os das grandes cidades.