Noruega vai proibir o uso de utensílios de plástico descartáveis a partir de 2020

0
21

A partir de 2020, o uso de itens de plástico descartáveis, como talheres, pratos, copos e canudos, será proibido na Noruega. A medida passará a valer antes do verão – que começa em junho – do próximo ano. A decisão foi anunciada no último sábado (4/5) pelo ministro do Meio Ambiente, Ola Elvestuen. 

“Não há razão para ter esses itens em plástico. Assim, vamos bani-los e tentar colocar a proibição em vigor antes do próximo verão”, disse Elvestuen à emissora NRK.

LEIA TAMBÉM:
– Países escandinavos aumentam pressão por um acordo global sobre plástico nos oceanos
– Conheça o exemplo dado pela Noruega para livrar o mundo do lixo plástico
– A nova frente de batalha da Dinamarca contra o aquecimento global: os cosméticos

O governo não quer esperar que o processo que corre na União Europeia para proibir o uso de plástico descartável e, com isso, delegou à Agência Norueguesa do Meio Ambiente a tarefa de desenvolver um modelo abolir a utilização desses artefatos. A meta é apresentar a regulamentação em uma audiência no outono (setembro-dezembro) e colocar as regras em prática na primavera (março-junho) de 2020.

"Queremos fazer isso o mais rapidamente possível. Esperamos que este verão seja o último em que os talheres de plástico sejam permitidos", diz Elvestuen.

A organização World Wildlife Fund (WWF) é favorável à proposta. “É bom ver que o nosso governo inspirou-se na União Europeia, Índia, Costa Rica e todos os que proibiram uma série de produtos plásticos descartáveis. Ola Elvestuen e o governo colocam a Noruega entre os mais avançados nos esforços para reduzir o desperdício de plástico”, comentou o secretário-geral da WWF, Bård Vegar Solhjell.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui