Início Sociedade Com vitória sobre o coronavírus, Ilhas Faroe retomam o futebol

Com vitória sobre o coronavírus, Ilhas Faroe retomam o futebol

Liga do arquipélago, que integra o Reino da Dinamarca, vai começar no dia 9 de maio - ainda sem público, mas a retomada já é uma conquista

As Ilhas Faroe podem ser consideradas vitoriosas na luta contra o coronavírus – e uma das marcas dessa vitória é a volta do futebol. A primeira rodada da principal liga do arquipélago, um território semiautônomo que integra o Reino da Dinamarca, será realizada já no dia 9 de maio.

A federação local já confirmou a data de abertura da competição e informou que nas rodadas iniciais não haverá público nos estádios. Mas, no contexto imposto pelo coronavírus, em que grande parte dos campeonatos mundo afora não tem data de volta ou início, a decisão de retomada do futebol não deixa de ser uma conquista.

Dez clubes (entre eles o EB/Streymur, que usa o Estádio Eiði, na foto acima) disputam a principal liga das Ilhas Faroe. Até a pandemia, a competição estava programada para começar no dia 1° de março; ela deve se estender até novembro. O que não se sabe ainda é quantas rodadas serão realizadas sem torcida nas arquibancadas. No arquipélago, o maior público em um jogo de futebol foi registrado em 1998 em um confronto da seleção local contra a de Malta. A partida atraiu 6.642 espectadores.

Estratégia vencedora

O arquipélago adotou uma estratégia muito bem-sucedida para conter a disseminação da doença. Além de dois trunfos importantes – sua pequena população, de pouco mais de 50 mil pessoas, e seu isolamento geográfico -, as Ilhas Faroe puderam fazer testes em larga escala na população ao adaptarem para esse fim uma estrutura usada normalmente para monitorar a saúde dos salmões (relembre aqui essa história).

As autoridades também fecharam as fronteiras e suspenderam aulas nas escolas, entre outras medidas de isolamento social. O resultado foi a contenção da pandemia. Ao todo, 187 pessoas contraíram a covid-19 no arquipélago. Dessas, 180 já se recuperaram – e não houve mortes causadas pela doença. Nenhum novo caso da infecção respiratória foi registrado desde a última sexta-feira (24/4), segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia também

“Scandinavian Way” é finalista nos EUA do prêmio PR Daily Awards

0
O Scandinavian Way é um dos finalistas do prêmio internacional PR Daily Awards, criado para identificar os melhores projetos do mundo nas áreas de...