Início Sociedade Igreja norueguesa realiza primeiro batismo de troca de nome de pessoa trans

Igreja norueguesa realiza primeiro batismo de troca de nome de pessoa trans

Uma igreja luterana da Noruega fez história no sábado (17.07) ao celebrar uma cerimônia para a troca de nome de uma pessoa transgênero de 49 anos. Segundo autoridades locais, foi a primeira vez que uma entidade religiosa de países nórdicos realiza este tipo de evento.

O batismo ocorreu na igreja medieval de Hoff, ao norte da capital norueguesa, Oslo, fundada entre os anos 1150 e 1200. A igreja Luterana é predominante no país e em seus vizinhos escandinavos. Nos últimos anos, a instituição tem seguido a mentalidade liberal destes países e reforçado ações de inclusão da comunidade LGBTQIAP+ e o direito das mulheres.

A cerimônia marcou a vida de Elin Stillingen, que até o ano passado viveu como homem e então mudou legalmente seu nome e sexo no ano passado. Stillingen disse que era particularmente importante para ela que o evento acontecesse em uma igreja.

“Sou membro da igreja norueguesa e também estou prestes a ‘sair do armário’ como cristã, então esta cerimônia é importante para mim”, disse Stillingen à emissora norueguesa TV2 antes da cerimônia de sábado.

A cerimônia contou com o apoio da Fundação Stensveen, uma organização não governamental norueguesa que apoia pessoas com questões de identidade de gênero e orientação sexual. O pastor Stein Ovesen celebrou o novo batismo de Elin.

“Eu sei que muitos estão gratos por este evento ter se tornado realidade, porque isso vai fundo na vida das pessoas”, disse Ovesen, que afirma que ele sabe que nem todos aprovam este tipo de evento na igreja: “Na ala conservadora, você encontrará padres que estão profundamente preocupados com o que fazemos hoje. Mas para mim este é um ato importante que expressa a graça e a abertura que Deus me mostra”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia também

direito ao esquecimento bandeira da Suécia

“Direito ao esquecimento” faz Google levar multa recorde na Suécia

0
Na última semana, o descumprimento do chamado "direito ao esquecimento" fez o Google levar uma multa sem precedentes na Suécia. Com base em uma...
- Publicidade -