Início Inovação Dinamarqueses criam "robô-cotonete" para testes de coronavírus

Dinamarqueses criam “robô-cotonete” para testes de coronavírus

Com a inovação, os profissionais de saúde não precisam coletar a saliva dos pacientes, o que reduz o risco de contraírem a covid-19

Um robô desenvolvido na Dinamarca poderá ser usado para substituir os profissionais de saúde que hoje fazem testes de coronavírus. A inovação, que acaba de ser revelada, reduz o risco de infecção que médicos e enfermeiros enfrentam para salvar os doentes e combater a disseminação da covid-19.

Pesquisadores da Universidade do Sul da Dinamarca (SDU) e da empresa Lifeline Robotics  desenvolveram a novidade a ser usada nos testes de coronavírus, apresentada como o primeiro “robô-cotonete” do mundo a operar de maneira totalmente automatizada. A máquina coleta a saliva da boca dos pacientes sem que os profissionais de saúde participem da tarefa, o que evita sua exposição a quem contraiu a doença.

O teste começa depois que a pessoa apresenta seu documento de identificação. O robô prepara um kit de amostragem, desliza o cotonete no fundo da garganta do paciente a ser testado e guarda o material em um recipiente próprio para a tarefa. Com o uso de câmeras e inteligência artificial, o robô consegue detectar a parte da garganta mais adequada para a coleta.

Testes mais precisos

Thiusius Rajeeth Savarimuthu, professor de robótica da SDU, é uma dos que aparecem sendo testados no vídeo de demonstração da novidade (veja abaixo). Ele posicionou o rosto em uma moldura de plástico e abriu a boca. Na sequência, um braço robótico passou o cotonete no fundo da garganta do professor.

“Você consegue repetir exatamente o mesmo procedimento várias vezes. Isso dará uma melhor qualidade às amostras”, diz Savarimuthu. Segundo os desenvolvedores, todo o processo – da identificação do paciente à guarda do material – exige em torno de 7 minutos. A retirada da saliva da boca do paciente leva 25 segundos.

Assista ao “robô-cotonete” dinamarquês em ação:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia também

direito ao esquecimento bandeira da Suécia

“Direito ao esquecimento” faz Google levar multa recorde na Suécia

0
Na última semana, o descumprimento do chamado "direito ao esquecimento" fez o Google levar uma multa sem precedentes na Suécia. Com base em uma...
- Publicidade -