Início Sociedade Copenhague quer banir patinetes elétricos na virada do ano

Copenhague quer banir patinetes elétricos na virada do ano

Símbolos da inovação e do transporte compartilhado, os patinetes elétricos por aluguel estão prestes a sofrer um grande revés em Copenhague. A maior cidade da Dinamarca deve proibir os “scooters” na virada do ano. Há diversos estudos que provam que os aparelhos pioram a vida dos pedestres e podem causar mais acidentes que bicicletas.

A dificuldade de locomoção de idosos quando estes equipamentos ficam nas calçadas é o principal argumento para os defensores do banimento do modal. O objetivo é proibir que os patinetes sejam estacionados no centro histórico da cidade. Bairros adjacentes ao centro já contam com esta restrição, o que pode se tornar um grande problema para este tipo de modal e para as empresas que o exploram. 

A medida ainda precisa ser aprovada pelo conselho municipal de Copenhague, espécie de câmara dos vereadores, mas já conta com grande apoio. Se aprovada, as restrições começaram no dia 1º de janeiro. O país já impõe restrições ao seu uso, que só poder ser operado a até 20 km/h e por maiores de 15 anos. 

Mas além dos problemas nas calçadas, as autoridades dinamarquesas reclamam da falta de educação dos usuários dos patinetes elétricos. Muitas vezes passam muito rápido pelos pedestre, podem causar confusão. E, no verão, a polícia da cidade registrou 28 casos de pessoas por dirigirem patinetes elétricas bêbadas ou sob o efeito de drogas.

Um relatório divulgado recentemente pelo Ministério dos Transportes e Habitação da Dinamarca indicou que os acidentes são sete vezes mais prováveis ​​com patinetes elétricos do que em bicicletas.

“Uma das minhas principais responsabilidades como ministro dos transportes é garantir que possamos viajar com segurança no trânsito. Esta avaliação, infelizmente, sugere que este não é o caso com relação às “scooters elétricas”, disse o ministério em um comunicado, que indica aos municípios a criação da obrigatoriedade de capacete para uso de patinetes e restrições de horários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia também

direito ao esquecimento bandeira da Suécia

“Direito ao esquecimento” faz Google levar multa recorde na Suécia

0
Na última semana, o descumprimento do chamado "direito ao esquecimento" fez o Google levar uma multa sem precedentes na Suécia. Com base em uma...
- Publicidade -