Início Sociedade Clube dinamarquês prevê jogos com "estádio drive-in" na pandemia

Clube dinamarquês prevê jogos com “estádio drive-in” na pandemia

O Midtjylland quer exibir partidas em telões e receber os torcedores usando as 2 mil vagas de estacionamento de seu estádio

Como será o futebol neste ano de pandemia e medidas de isolamento social? Essa pergunta tem sido feita por dirigentes, atletas e torcedores em todo o mundo, e ninguém tem ainda uma resposta convicta. Mas, para ao menos um clube, da Dinamarca, um caminho já começa a se desenhar: o de transformar seu estádio em um “drive-in da bola”.

O Midtjylland, da cidade de Herning, revelou sua ideia na última quinta-feira (17/4). O plano é instalar telões do lado de fora de seu estádio para que a torcida possa acompanhar os jogos no estacionamento, mas sem sair do carro. Em tempos de luta contra o coronavírus, acompanhar o time do coração “de perto” definitivamente ganhou outra conotação.

A MCH Arena, onde o clube manda suas partidas, tem capacidade para 11,4 mil espectadores do lado de dentro – e, do lado de fora, 2 mil vagas de estacionamento. Os trâmites com as autoridades para a adaptação do estádio para o formato drive-in já começaram, segundo os dirigentes. “Estamos trabalhando muito para criar a melhor experiência possível”, disse o diretor de marketing, Preben Rokkjaer.

Além de instalar telões, o clube pretende oferecer narração das partidas em uma frequência de rádio. Os planos incluem ainda a criação de um prêmio para o carro mais bem “vestido” com as cores do clube. Haverá até uma área de estacionamento reservada para torcedores da equipe visitante.

Liderança interrompida

Até março, quando a Superliga, a principal divisão do futebol no país, foi interrompida por causa da pandemia, o clube liderava a competição. A previsão atual é que o campeonato seja retomado – sem público nos estádios – no dia 17 de maio.

Criado em 1999 a partir da fusão de dois clubes de cidades vizinhas, o Herning Fremad (fundado em 1918) e o Ikast (de 1935), o Midtjylland já foi duas vezes campeão dinamarquês. Se um novo título vier, será com a ajuda de três talentos brasileiros. Evander, meia-atacante de 21 anos formado nas categorias de base do Vasco, é titular absoluto da equipe. O elenco tem ainda Paulinho, lateral esquerdo de 25 anos que defendeu o Bahia antes de seguir para a Dinamarca, e Patrick, zagueiro de 20 anos egresso do Flamengo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia também

O presidente finlandês Sauli Niinistö com o americano Donald Trump: a Finlândia proclamou sua independência da Rússia há mais de um século

“A Finlândia é parte da Rússia?” Livro revela pergunta de Trump

0
Donald Trump certa vez perguntou a seu chefe de gabinete se a Finlândia fazia parte da Rússia - e isso quando o presidente dos...
- Publicidade -