Início Turismo e Cultura Conheça a cidade sueca que só tem Carnaval a cada quatro anos

Conheça a cidade sueca que só tem Carnaval a cada quatro anos

Em Lund, estudantes voluntários organizam a versão local da festa, que ocorre em maio, existe há mais de 170 anos e reúne mais de 400 mil pessoas

Ao contrário do que creem muitos brasileiros, o Carnaval não é exclusividade nacional. A lista de carnavais famosos inclui o Mardi Gras, em Nova Orleans (EUA), e os de Santa Cruz de Tenerife (Espanha), Veneza (Itália) e Barranquilla (Colômbia). Também há versões do evento na Escandinávia, geralmente realizadas em maio, durante a concorrida temporada de festas da primavera. Centenas de milhares de pessoas vão às ruas de cidades como Copenhague e Aalborg (ambas na Dinamarca) e Hammarkullen (Suécia) para esses carnavais – em que, sim, há samba, mas também outros ritmos.

Na região, um dos mais antigos é o Lundakarnevalen – ou, literalmente, Carnaval de Lund, cidade de pouco mais de 90 mil habitantes localizada na província de Scania, no extremo sul da Suécia. Criada há mais de 170 anos, a festa adotou um formato que a diferencia das de outras partes do mundo: ela só ocorre a cada quatro anos.

O Carnaval de Lund atrai cerca de 400 mil pessoas a cada edição. Ele é um misto de festival de música, desfile popular e encontro cultural, com peças de teatro, shows de comédia, atrações infantis e até ópera ao ar livre. Toda edição tem um tema central, que dá o tom da programação e da decoração da cidade.

Segundo registros oficiais, a festa surgiu em 1849 para celebrar a chegada da primavera, um tradição em muitos países do hemisfério norte. Ainda que o Carnaval local tenha se transformado ao longo dos anos, já no século 19 ele adotou essa periodicidade peculiar.

Estudantes comandam a organização da festa

Outra característica que torna o Carnaval da cidade único é que ele é totalmente organizado pelos estudantes da Universidade de Lund. Fundada em 1666, a universidade é uma das mais importantes da Suécia e também uma das mais antigas do norte da Europa. Mais de 5 mil estudantes atuam como voluntários na organização do evento.

Os alunos participam também dos preparativos do desfile de carros alegóricos, que são ornamentados de acordo com o tema da festa para aquele ano. A parada é uma das atrações gratuitas do evento. (A festa segue com caráter amador e o trabalho é feito inteiramente por voluntários, mas há cobrança de ingresso para algumas das atrações.)

Com três dias de duração, o Lundakarnevalen segue a frequência das Copas do Mundo de futebol, o que significa que ele só retornará em 2022. Mesmo distante, o site oficial do evento já tem uma contagem regressiva acionada. Nesta sexta-feira, dia 21 de fevereiro, quando começou oficialmente o Carnaval no Brasil, o contador marcava 816 dias até o próximo Carnaval de Lund. A preocupação com os detalhes talvez dê mostras da ansiedade com a chegada da festa: o relógio exibe até quantas horas, minutos e segundos faltam para a próxima edição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia também

O presidente finlandês Sauli Niinistö com o americano Donald Trump: a Finlândia proclamou sua independência da Rússia há mais de um século

“A Finlândia é parte da Rússia?” Livro revela pergunta de Trump

0
Donald Trump certa vez perguntou a seu chefe de gabinete se a Finlândia fazia parte da Rússia - e isso quando o presidente dos...
- Publicidade -