Início Sociedade No tédio da quarentena, crianças nórdicas caçam bichos de pelúcia

No tédio da quarentena, crianças nórdicas caçam bichos de pelúcia

Brincadeira espalhou-se pelo mundo e ganhou adeptos em países como Finlândia, Islândia e Noruega; ideia é distrair os pequenos que estão presos em casa

Os pais que têm filhos pequenos sabem o desafio adicional que é enfrentar o isolamento social imposto pelo coronavírus com as crianças trancadas em casa. Para distraí-las, famílias de países nórdicos como Finlândia e Islândia têm aderido à “caça” de bichos de pelúcia. Na quarentena, a brincadeira está atraindo crianças também em outras partes do mundo.

Em inglês, a brincadeira foi batizada de “teddy bear challenge” (#TeddyBearChallenge). Para participar, os pequenos precisam colocar um ou mais de seus bichos de pelúcia em uma janela da casa que fique de frente para a rua. Assim, quando outras crianças saírem para esticar as pernas com seus pais em meio à pandemia, a missão é contar quantos bichos de pelúcia conseguem encontrar na caminhada pela vizinhança.

Além de distrair as crianças na quarentena, medida de segurança que deixou tão poucas opções aos pais, a brincadeira serve para unir os vizinhos em uma atividade compartilhada. Segundo registra o site Helsinki Times, a ideia foi inspirada no livro infantil Vamos à caça do urso, lançado em 1989 pelo escritor inglês Michael Rosen.

Em vez de bichos, corações

A brincadeira tem variações. Em uma delas, a proposta é colocar nas janelas, em vez de bichos de pelúcia, imagens de corações. Siw Harnes Sherman disse à rede americana CNN que aderiu ao saber da brincadeira no Facebook de um amigo do Canadá. Sherman vive em Haroey, ilha na costa oeste da Noruega.

“Este é um momento difícil para todos”, disse ela. “A atividade ajuda as pessoas a terem alguma esperança e a tirar o foco dos problemas.” Sherman entrou no grupo “A World of Hearts“, criado no Canadá e que já tem mais de 27 mil integrantes. Outro grupo, o “Hearts in the Window“, conta com mais de 140 mil participantes. Também originalmente canadense, o grupo tem hoje integrantes de várias partes do mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia também

direito ao esquecimento bandeira da Suécia

“Direito ao esquecimento” faz Google levar multa recorde na Suécia

0
Na última semana, o descumprimento do chamado "direito ao esquecimento" fez o Google levar uma multa sem precedentes na Suécia. Com base em uma...
- Publicidade -