“A Finlândia é parte da Rússia?” Livro revela pergunta de Trump

O relato está na obra escrita por John Bolton, ex-conselheiro de Segurança Nacional americano, com lançamento previsto para 23 de junho

0
81
O presidente finlandês Sauli Niinistö com o americano Donald Trump: a Finlândia proclamou sua independência da Rússia há mais de um século
O presidente finlandês Sauli Niinistö e Donald Trump: a Finlândia liberou-se da Rússia há mais de um século (Foto: Casa Branca / reprodução)

Donald Trump certa vez perguntou a seu chefe de gabinete se a Finlândia fazia parte da Rússia – e isso quando o presidente dos Estados Unidos já estava no comando da maior potência do planeta. A revelação aparece no livro escrito por John Bolton, ex-conselheiro de Segurança Nacional americano, segundo o jornal The New York Times.

A obra recebeu o título The Room Where It Happened (ou “A sala dos acontecimentos”, em tradução livre). Nela, Bolton conta os bastidores de seu trabalho para a atual administração dos EUA, entre abril de 2018 a setembro de 2019. O jornal, que diz que o ex-conselheiro é conhecido como um “anotador meticuloso”, publicou trechos do manuscrito. Eles sugerem que Trump demonstrou dificuldades com a geografia básica e reduzido conhecimento sobre questões de política externa – e não apenas na pergunta sobre a Finlândia e a Rússia.

The Room Where It Happened tem lançamento previsto para o dia 23 de junho. No entanto, o governo Trump está tentando interromper sua distribuição porque a obra teria “informações sigilosas”. Ainda não está claro se o Departamento de Justiça americano barrará a publicação, segundo a revista Forbes.

Ocupações e resistência

A Finlândia foi ocupada pela Rússia várias vezes ao longo da história, mas sua proclamação de independência ocorreu há mais de um século, em dezembro de 1917. O último avanço russo ocorreu em 1939, já na era da União Soviética. A investida deflagrou a Guerra do Inverno, que acabou após 105 dias de batalhas – e com os finlandeses mantendo sua independência.

O relato do livro reproduzido pelo New York Times não foi o único a sugerir uma aparente ignorância de Trump sobre a Finlândia – ou mesmo sobre outros países nórdicos. Em novembro de 2018, em meio a intensos incêndios florestais na Califórnia, o americano afirmou que o presidente finlandês Sauli Niinistö teria dito a ele que a Finlândia evitava incêndios florestais varrendo o chão das matas.

Mas a explicação de Niinistö foi outra. Ele teria dito a Trump que, como a Finlândia tem um bom sistema de vigilância, conseguia rastrear incêndios e evitar catástrofes de grandes proporções. Na ocasião, os finlandeses inundaram as redes sociais com fotos em que apareciam “varrendo” as florestas do país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui