Início Sociedade O que faz de Helsinque a melhor cidade para as famílias

O que faz de Helsinque a melhor cidade para as famílias

A capital finlandesa apareceu na primeira posição do comparativo global elaborado pela empresa alemã de mudanças Movinga

Helsinque, a capital da Finlândia, é a cidade mais atraente do mundo para as famílias, segundo o “Best Cities for Families 2020“, relatório global sobre o tema elaborado pela empresa alemã de mudanças Movinga. Das dez primeiras colocadas no comparativo, nada menos que seis ficam na Escandinávia: além das capitais dos países da região – Oslo (Noruega), Copenhague (Dinamarca), Estocolmo (Suécia) e Reykjavik (Islândia) apareceram em terceiro, quinto, sexto e sétimo lugares, respectivamente -, Gotemburgo, a segunda maior cidade sueca, figurou na décima colocação.

Para elaborar o estudo, a Movinga selecionou 150 metrópoles de todo o mundo que já têm reputação de serem bons locais para uma família viver. Feito esse recorte, a empresa então analisou os números de 13 diferentes indicadores. Essa lista tem custo de vida, qualidade do ar e opções de passeios infantis, além de pesquisas feitas com os habitantes de cada local.

LEIA TAMBÉM:
– Democracia escandinava reafirma sua hegemonia em ranking global
– Escandinavos mantêm domínio em ranking de percepção da corrupção
– Em mobilidade social, nenhum país bate os escandinavos

E o que fez Helsinque se destacar entre cidades que já têm fama de serem bons lugares para uma família morar? A capital finlandesa teve pontuação máxima em três dos indicadores analisados: taxa de desemprego, licença parental remunerada e inclusão familiar (que avalia os direitos de casais formados de pessoas do mesmo sexo; nesse item, todas as cidades escandinavas tiveram nota máxima).

As capitais de Islândia, Dinamarca e Noruega também apareceram em primeiro lugar em ao menos um indicador. Reykjavik ficou no topo no item segurança, Copenhague em mobilidade e Oslo em dois: sistema de saúde e na pesquisa em que os pais foram perguntados se consideravam aquela uma cidade amigável para as famílias. O questionário foi apresentado a 20 mil pais e mães entre outubro e novembro e recebeu 6.280 respostas.

Nenhuma cidade brasileira foi considerada para o levantamento. Da América Latina, entraram Santiago (Chile), Buenos Aires (Argentina) e Cidade do México, que ficaram em 142°, 143° e 145°, respectivamente.

Clique aqui para conhecer o relatório completo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia também

"Alugue um finlandês": como é o novo programa do país para...

0
Finlândia oferecerá hospedagem em casas de pessoas comuns; elas apresentarão aos visitantes o modo de vida do país mais feliz do mundo, segundo a ONU